Impressão 3D na Odontologia: tudo que você precisa saber sobre essa tecnologia inovadora para seu consultório!

Os avanços do mercado odontológico ocorrem a todo momento. Por isso, hoje é a vez de entender os diferenciais da impressão 3D na Odontologia para proporcionar um tratamento inovador e seguro para os pacientes.

Impressão 3D na Odontologia: tudo que você precisa saber sobre essa tecnologia inovadora para seu consultório!


A impressão 3D na Odontologia está ganhando cada vez mais espaço. Atualmente, a tecnologia é considerada uma revolução na área, em especial pelos benefícios que traz para o planejar tratamentos, imprimir modelos para próteses ou alinhadores, guias cirúrgicos e muitas outras utilidades clínicas. 


Quer entender um pouco mais sobre o assunto e como a impressão 3D na Odontologia pode contribuir no consultório? Continue a leitura deste conteúdo e fique atualizado sobre essa nova tecnologia odontológica. 


O que é a impressão 3D na Odontologia?


No primeiro momento, ela pode parecer complexa, no entanto é mais simples do que você imagina. A impressão 3D na Odontologia é realizada com a sobreposição de camadas resinosas por meio de sistemas gráficos para a impressão de modelos que substituem os modelos de gesso tradicionais, com maior precisão, já que elimina as distorções que ocorrem durante a moldagem analógica e o preenchimento do molde com gesso. 


Logo que começou a ser implantada nas clínicas odontológicas, a impressora 3D foi utilizada para a criação de modelos de estudo, porém, com a evolução do processo ao longo dos anos, as aplicações foram expandindo e hoje esses modelos são usados para a confecção de próteses, alinhadores e guias cirúrgicos para cirurgia ortognática e implantes.


As impressoras 3D atualmente são utilizadas por dentistas que desejam ter o recurso da impressão tridimensional no fluxo do seu consultório para aumentar a velocidade de entrega dos trabalhos e a precisão, economizar espaço físico de armazenamento dos modelos, já que os modelos 3D ficam armazenados de forma digital e aumentar, no paciente, a percepção de valor dos tratamentos, permitindo dessa forma, o aumento do faturamento. 


3 exemplos de aplicações da impressão 3D na Odontologia 


1. Próteses e Implantes 


A impressão 3D é usada para fabricação de próteses e guias cirúrgicos para a instalação de implantes, especialmente em regiões com a tábua óssea muito estreita ou em regiões muito próximas a estruturas anatômicas importantes, como seio maxilar e nervo alveolar inferior.  Ela proporciona precisão ao implantodontista e mais segurança ao paciente. Além disso, em relação às próteses, é possível fabricar modelos de impressão rápida para que o paciente possa testar a forma e conforto, permitindo um refinamento final, antes da entrega da prótese definitiva. 


2. Cirurgias 


No caso das cirurgias, a impressão 3D faz diferença no planejamento do procedimento cirúrgico com o uso dos biomodelos. Dessa maneira, é mais fácil e preciso estudar a anatomia  esquelética e dentária do paciente para evitar complicações durante a cirurgia, especialmente nas extrações de siso e cirurgia ortognática.


3. Restaurações 


Quando os dentes tiveram uma grande perda da sua estrutura, eles podem ter a forma e função devolvidos com as coroas parciais ou totais. E é nesse momento que a impressão 3D na Odontologia entra. Após o escaneamento, a impressora fabrica fielmente o modelo, sem as distorções que podem ocorrer nos procedimentos de moldagem analógica, mesmo quando se utiliza excelentes materiais de moldagem, para o encaixe perfeito da  prótese.


Cirurgião-dentista: vale a pena ou não investir na impressão 3D? 


Para determinadas especialidades da Odontologia, o uso da impressora 3D é praticamente indispensável por tornar os tratamentos mais seguros e os procedimentos inovadores, como por exemplo, a implantodontia e a prótese dentária.  No entanto, por tratar-se de um equipamento de alto valor, é importante entender se o consultório ou clínica possui alta demanda de procedimentos que utilizem este recurso, para que o investimento tenha retorno financeiro. 


Outro fator importante, caso decida pela compra do equipamento, é pesquisar a melhor tecnologia, de acordo com a sua necessidade e uma boa marca, com bom custo-benefício e credibilidade no mercado. Avalie os preços, se ela oferece um bom suporte e manutenção para a sua região, tudo isso para evitar arrependimentos e problemas futuros. 


Outra dica é conversar com colegas que já usam a impressora em suas clínicas ou consultórios odontológicos, obtendo informações preciosas sobre as empresas e marcas, o que vai te trazer mais segurança na hora da compra.


Gostou deste conteúdo? Para conferir outras dicas como essas, siga as redes sociais do IOA Campinas: Facebook e Instagram.



O QUE VOCÊ PROCURA?



CATEGORIAS

QUAX - Sites & Sistemas